A graça de Deus

“Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.” Efésios 2:8

INTRODUÇÃO

A salvação origina-se na graça de Deus. O plano de salvação de Deus flui a partir de Seu coração para encontrar cumprimento na vida dos homens pecaminosos. Deus não tinha a obrigação de salvar os homens do pecado e conceder a eles Suas bênçãos espirituais. A humanidade não merece e não tem direito à salvação. É uma dádiva de Deus. (Romanos 3:23, 24; 6:23; Apocalipse 22:17)

QUESTIONÁRIO

1. O que é graça?

A palavra grega para graça é Charis, gentileza concedida gratuitamente sem consideração de mérito ou de recompensa. Uma palavra em português relacionada a essa é “caridade”. Palavras que possuem parentesco com a “graça” incluem “grátis”, “gratuito” e “gratidão”. Grátis é aquilo que é de graça, não tem um preço atribuído, Gratuidade denota algo concedido livremente, independente do mérito, A Bíblia frequentemente usa a palavra “graça” para denotar uma dádiva ou bênção recebida de Deus. Também tem relação à obra voluntária de Cristo em favor do pecador, como seu Salvador, Mediador e Sumo Sacerdote. A graça é o amor de Deus ofertado gratuitamente em sua relação com as necessidades do homem.

2. Qual a relação entre amor, misericórdia e graça?

Graça, misericórdia e amor estão relacionados entre si, A salvação tem origem no amor de Deus (João 3:16; Romanos 5:6-8; Efésios 2:4-7; Tito 3:4-7;1 João 3:1 € 16; 4:9 € 10) e na misericórdia (Isaías 55:7; Efésios 2:4-8; Tito 3:4-7;1 Pedro 1:3), bem como em Sua graça (Efésios 2:8,9). O amor refere-se ao que Deus é em Si mesmo. Se Deus fosse a única pessoa no Universo, Ele ainda teria o atributo do amor.

A misericórdia é o amor de Deus relacionado à miséria, fragilidade e desamparo do homem,. A graça é o amor de Deus quando relaciona do ao pecado e à culpa do homem.

3. Se Deus é amoroso, misericordioso e a salvação é por Sua graça, isso significa que todos serão salvos?

A aceitação pelo homem é a condição sob a qual a salvação é outorgada. Deus providenciou a salvação; o homem deve aceitar a salvação. Existe dois lados da salvação, o lado divino e o lado humano. “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito […]” – Isso é o que Deus fez; este é o lado divino da salvação. “[…] para que todo aquele que nele crê […]” – isso é o que o homem deve fazer; este é o lado humano da salvação (João 3:16).

4. Se Cristo é o Salvador, qual o papel de Deus e do homem no processo da salvação?

O lado divino da salvação inclui tudo o que Deus fez, está fazendo e ainda fará na salvação dos pecadores. Isso inclui todas as riquezas espirituais que Deus concede aos crentes através de Cristo. Os benefícios obtidos pela humanidade pela morte de Cristo são: perdão, justificação, reconciliação, redenção, santificação, novidade de vida e adoção (vide lição “A Morte de Cristo”), O lado humano da salvação é a conversão. A conversão inclui três elementos: arrependimento, fé e batismo (Atos 2:38; Marcos 16:16). Essas são coisas que o homem precisa fazer a fim de aceitar de Deus a dádiva da salvação.

5. O que é conversão?

Na conversão, o pecador voluntariamente entrega a sua vontade à vontade de Deus, Ele escolhe a escolha de Deus, Ele diz “sim” a Deus e “não” para o pecado. À conversão começa com uma decisão.

O filho pródigo decidiu: “Levantar-me-ei, e irei ter com meu Pai” (Lucas 15:18), Saulo de Tarso perguntou: “Senhor, que queres que faça?” (Atos 9:6). A escolha do homem pela dádiva da salvação de Deus deve ser voluntária.

6. Como os três elementos da conversão estão relacionados?

Arrependimento, fé e batismo são condições essenciais para a salvação porque colocam o pecador na posição apropriada na qual Jesus pode realizar sua obra de salvação. Uma ilustração dessa verdade é que quando um homem está enfermo é preciso que ele visite o consultório de um médico para restaurar sua saúde, mas não é a visita em si, e sim o médico que realiza a cura. Arrependimento, fé e batismo estão intimamente relacionados. Na Bíblia, quando um elemento de conversão é mencionado, os outros dois são incluídos ou estão implícitos no contexto. (Marcos 1:15; 16:16; Atos 2:38; 8:37,38; 16:31,33; 20:21)

7. O que simbolizam os três elementos da conversão?

No arrependimento, ele diz não para o mundo; na fé, ele diz sim a Cristo. No arrependimento, ele é “crucificado com Cristo” (Gálatas 2:20); no batismo, ele é “sepultado com Ele” (Romanos 6:4); e através da fé, esse alguém é “ressuscitado com Cristo” (Colossenses 2:12). O arrependimento é crucificação; batismo é sepultamento; fé é ressurreição. O arrependimento é a morte do velho homem; o batismo é o sepultamento do velho homem; e fé é o recebimento da novidade de vida.

8. Como acontece o arrependimento?

O homem precisa reconhecer que é pecador e desejar mudar sua conduta (Salmos 139:23, 24); Deve existir em si tristeza pelo reconhecimento do seu pecado e confessá-lo a Deus (2 Coríntios 7:9, 10; Tiago 4:8-10; Salmos 51:17; 1 João 1:9); O arrependimento não está completo a menos que inclua um abandono voluntário do pecado. (Ezequiel 33:11, Romanos 13:12-14; Efésios 4:18-32).

9. Uma vez salvos pela graça, o que devemos fazer?

Após a conversão (arrependimento, fé e batismo) o crente deve viver uma novidade de vida, procurar se revestir do espírito de Deus e obedecer aos mandamentos de Deus. Não guarda os mandamentos para ser salvo, mas porque foi salvo. A obediência aos mandamentos de Deus é prova de que a conversão (submeter-se à vontade de Deus) foi legítima. (2 Coríntios 5:17; Efésios 5:18; João 15:10; Apocalipse 14:12; 1 João 5:2, 3).

CONCLUSÃO

A Bíblia fala: “Onde abundou o pecado, superabundou à graça” (Romanos 5:20 e 21). A graça de Deus superabunda sempre que um pecador arrependido confessa seus pecados por meio da fé e a partir do batismo se esforça para viver uma nova vida, Superabunda em salvar, perdoar, libertar, transformar o convertido pela ação do Espírito Santo e conduzi-lo à vida eterna.

GRATIDÃO

Podemos demonstrar nossa gratidão ao Eterno, por sua graça em nossas vidas, por meio do nosso louvor e adoração. Por que não fazer isso agora mesmo? Acesse o vídeo a seguir e louve a Deus!

Estudo em Vídeo Estudo em Áudio Download PDF

ULTIMOS POSTS

Onde Estamos

R. Frederico Fromhols, 61 - Atuba, Colombo - PR, 83408-390 Telefone:(41) 333 8890 Email:contato@idsd.com Web:www.idsd.com.br

Sobre a Igreja de Deus

A Igreja de Deus do Sétimo Dia prega o verdadeiro Evangelho do Reino de Deus. Tem a bíblia como única regra de fé e Jesus Cristo, filho de Deus, como nosso mediador.

Leave a Comment